Logotipo
   
          home contactos
links
apresentação mandato composição presidente estrutura regulamento directivas
procurar
 

CNE exige transparência na gestão da verba atribuída aos concorrentes às Eleições de 2017

06/07/2017

O Presidente da CNE, André da Silva Neto, manteve um encontro com os Administradores Eleitorais dos Partidos Políticos e Coligação concorrentes, para um diálogo de como devem fazer a gestão da verba atribuída durante a Campanha, bem como deverão proceder em relação ao processo de prestação de contas que a Lei estabelece.

Nos termos da Lei Orgânica Sobre as Eleições Gerais, é responsabilidade do Estado após a publicação das listas definitivas dos Partidos Políticos e Coligações de Partidos Políticos concorrentes, atribuir uma verba financeira para apoiar a campanha eleitoral.

A CNE, aproveitou o encontro para distribuir a Legislação Eleitoral e entregar aos Administradores uma cartilha financeira, que servirá de guia para os Partidos Políticos e Coligação concorrentes, perceberem como poerão gastar este dinheiro atribuído pelo Estado Angolano, porque nas Eleições Gerais de 2012, notou um défice de conhecimento da Lei, em relação a este domínio por isso agora em 2017 a Comissão Nacional Eleitoral antecipou – se e preventivamente transmitiu conhecimentos sobre a prestação de contas.

A FNLA, esteve representada por Manuel Chissoca Segundo, que afirmou que nas Eleições de 2012, o seu Partido teve dificuldades em apresentar os relatórios de contas porque não havia os administradores eleitorais, que são os responsáveis pela execução dos valores que lhes foram atribuídos.

Neste Pleito a FNLA vai utilizar a verba atribuída para aquisição do material de propaganda eleitoral, usar nos meios de comunicação e na alimentação do pessoal que vai trabalhar para o partido nesta fase.

A UNITA, na voz de Navita Ngolo, diz que o valor atribuído aos Partidos Políticos, é exíguo, mas compromete – se a gerir a verba pública da forma mais transparente, porque o seu partido propõe – se a governar Angola também com transparência.

A UNITA, diz que está com dificuldades em levantar e movimentar valores avultados da sua conta e apela a CNE a solicitar maior disponibilidade financeira para os Partidos Políticos as Instituições Bancárias, para que as suas campanhas não sejam comprometidas.

A Porta – voz da CNE, Júlia Ferreira, apelou aos Partidos Políticos e Coligação concorrentes a cumprirem escrupulosamente com o que está estabelecido na Lei, para que não haja um descaminho destes valores porque depois terão de prestar contas a Comissão Nacional Eleitoral.

O órgão que organiza as Eleições Gerais alerta que qualquer situação de irregularidade ou desvio na apresentação e prestação de contas nos prazos previstos na Lei, vai de imediato comunicar ao Tribunal de Contas sobre o incumprimento verificado pelo Partido Politico ou Coligação concorrente.

 

 
 
21/08/2017 - Missão de observação da CPLP recebida por Silva Neto

21/08/2017 - Silva Neto Recebeu Joaquim Chissano um dos observadores internacionais

21/08/2017 - Chefe da missão de observação da União Africana recebido pelo presidente Silva Neto

20/08/2017 - Mandatário da lista do partido UNITA faz cancelar encontro com CNE

20/08/2017 - Plenário aprova directiva sobre procedimentos de apuramento provincial

18/08/2017 - Desvio de material sensível para as eleições no Bié não vai afectar votação dos eleitores

14/08/2017 - Edifício da CPE da Cabinda inaugurado pelo presidente da CNE

16/08/2017 - Os MAV na Lunda-Norte preparados para o acto de votação

15/08/2017 - Polícia Nacional no Zaire preparada para garantir Eleições seguras

08/08/2017 - Polícia Nacional no Cuanza Sul garante Eleições seguras

última
Última Edifício da CPE da Cabinda inaugurado pelo presidente da CNE  
Os MAV na Lunda-Norte preparados para o acto de votação
 
Polícia Nacional no Zaire preparada para garantir Eleições seguras
 
 
actualidade
Última Missão de observação da CPLP recebida por Silva Neto  
Silva Neto Recebeu Joaquim Chissano um dos observadores internacionais
Chefe da missão de observação da União Africana recebido pelo presidente Silva Neto
 

agenda

visitas

actividades

 
aestórias

Estórias

CNE - Comissão Nacional Eleitoral - Todos os Direitos Reservados - Design: CNE ©2007